Brasil

Equipe de Luciano Hang sabia desde abril que Covid não constava no atestado de óbito da mãe do empresário

O empresário bolsonarista Luciano Hang, dono da rede de lojas Havan, sabia, pelo menos desde 11 de abril, que a Covid-19 não constava no atestado de óbito de sua mãe, morta em 4 de fevereiro. Em abril, a GloboNews questionou a assessoria de imprensa do empresário sobre o motivo da ausência da Covid-19 na certidão de óbito. Regina Hang, de 82 anos, morreu após complicações relacionadas ao coronavírus.

Hang disse à CPI da Covid nesta quarta-feira (29), no entanto, que soube pela comissão que a Prevent Senior omitiu a Covid no atestado da mãe.

Fonte: G1

Thalita Mendes

Jornalista - TV Minas Brasil (Paracatu) Acadêmica de Jornalismo

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo