Brasil

Pastora é acusada de cobrar vaga em culto: ‘Convertida para a obra de Deus’

A pastora Renalida Carvalho, da pastoral regional da catedral IPTM, da Paraíba, tem sofrido críticas nas redes sociais, por outros pastores e até na TV, por conta da suposta prática de pedir dinheiro em troca de oração e de cobrar por vagas em cultos.

Na noite desta quarta-feira (15/9), a pastora divulgou uma nota assinada pelos advogados Igor Guimarães Lima e Jaollyson Guedes Resende em que rebate as acusações alegando que “jamais se utilizou da fé e da crença religiosa do indivíduo para enganar outrem e auferir vantagem patrimonial”. O texto também indica que buscará “responsabilização criminal” do Pastor Anderson Silva.

Fonte: Estado de Minas

Thalita Mendes

Jornalista - TV Minas Brasil (Paracatu) Acadêmica de Jornalismo

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo