Minas Gerais

Custo “fecha o sinal” para motoristas de aplicativo

Pressionados por aumento de combustíveis e baixo valor de remuneração nas corridas, motoristas de aplicativos perdem renda, deixam a atividade ou tentam se equilibrar assumindo outras funções paralelamente. Esses fatores, somados aos custos de manutenção e, em muitos casos, de aluguel ou financiamento de veículos, tornaram a atividade, que já foi considerada a salvação diante do desemprego de mais de 14 milhões de brasileiros, inviável para muitos. Na outra ponta, usuários reclamam de constantes cancelamentos de corridas, do custo das tarifas e do aumento do tempo de espera, conforme relatam os próprios condutores.

Fonte: Estado de Minas

Thalita Mendes

Jornalista - TV Minas Brasil (Paracatu) Acadêmica de Jornalismo

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo