Brasil

Reabertura de países deve ajudar ações do setor esportivo; veja algumas opções

Entre os setores mais afetados pela pandemia do novo coronavírus, o segmento esportivo perdeu em todos os sentidos. A competitividade ficou prejudicada por conta dos calendários apertados, o espetáculo ficou mais morno devido à falta de torcida e, consequentemente, as receitas foram duramente impactadas.

Um levantamento da Forbes, de março deste ano, mostra que, apenas entre as principais ligas norte-americanas (NFL, NBA, NHL, MLB e NCAA), o rombo foi de pelo menos US$ 14,1 bilhões (cerca de R$ 74 bilhões), entre vendas de ingressos, concessões, patrocínios e transmissões televisivas dos eventos. 

Fonte: CNN

Thalita Mendes

Jornalista - TV Minas Brasil (Paracatu) Acadêmica de Jornalismo

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo