Brasil

Paulo Guedes sob pressão: De superministro a colecionador de desgastes

Em meio às trocas no governo ocorridas nas últimas semanas e após todo o desconforto gerado com as falhas no Orçamento da União para 2021, o ministro da Economia, Paulo Guedes está pressionado. A guerra em torno do Orçamento foi apenas mais um capítulo de uma gestão que está aquém do que o próprio Guedes, que coleciona desgastes no meio econômico, desejava.

Na recente reforma ministerial e na troca de cadeiras, com Flávia Arruda (PL-DF) na Secretaria de Governo, o centrão emplacou uma representante significativa no primeiro escalão.

O objetivo agora consiste em retirar Guedes do comando ou no esvaziamento da pasta da Economia, fatiando os ministérios da Fazenda, Planejamento, Previdência, Trabalho e Indústria e Comércio, que foram incorporados no início do mandato e que hoje contam com o maior orçamento na Esplanada. A ideia é retirar responsabilidades das mãos do ministro e desafogá-lo.

Fonte: Estado de Minas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo