COVID 19

BH recua e proíbe bebidas alcoólicas em bares e outros locais

Um decreto publicado pela Prefeitura de Belo Horizonte no Diário Oficial do Município (DOM) desta sexta-feira traz um recuo nas medidas de flexibilização durante a pandemia do coronavírus. A partir da próxima segunda-feira, 7 de dezembro, véspera de feriado na capital, o consumo de bebidas alcoólicas volta a ser proibido em bares, restaurantes e outros estabelecimentos de alimentação da capital. Por outro lado, eventos natalinos serão permitidos, mas também com regras. 

O Decreto 17.484, assinado pelo prefeito Alexandre Kalil, leva em conta “as análises sistemáticas dos indicadores epidemiológicos e de capacidade assistencial realizadas pelo Comitê de Enfrentamento à Epidemia da COVID-19”. 

O boletim epidemiológico do município divulgado nessa quinta-feira alerta para o crescimento nas taxas de ocupação dos leitos das Unidades de Terapia Intensiva (UTI) e enfermaria específicos para a doença. Na quarta-feira, os números estavam em 43,6% e 41,7%, respectivamente. Ontem, os indicadores apontam 45,7% (UTI) e 45,5% (enfermaria).

Conforme o novo decreto, padarias, lanchonetes, bares, restaurantes, cantinas, clubes, sorveterias podem continuar servindo alimentos para clientes no local, menos bebidas alcoólicas. A restrição também se aplica às feiras públicas ou licenciadas em propriedades públicas e privadas em Belo Horizonte. 

Fonte: Estado de Minas.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo