Política

Maia volta a dizer que Brasil está caminhando para o precipício

O presidente da Camara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM/RJ), voltou a dizer, nesta segunda-feira (2), em live organizada pelo jornal Valor Econômico, que o Brasil “está caminhando para o precipício” se não for feita uma regulamentação do teto de gastos. Em outubro, o parlamentar já havia alertado para o problema. 

Rodrigo Maia se disse pessimista sobre o cenário econômico que o Brasil enfrentará em 2021. Isso, por conta da demora do governo em definir as prioridades econômicas, e pelo atraso da pauta da Câmara, obstruída pela base do governo em uma disputa pela presidência da Comissão Mista de Orçamento. 

De acordo com o deputado, o ministro da Economia, Paulo Guedes, está isolado no governo, na defesa da necessidade de encontrar soluções para enfrentar a crise econômica provocada pelo coronavírus, “respeitando as regras do jogo” – isto é, o teto de gastos.

Logo de início, confrontado com o cenário atual em relação ao de julho, no qual havia uma grande tensão entre parlamentares e governo, o presidente da Câmara disse estar “mais preocupado hoje que em julho”. Alertou que o país entrará no próximo ano com uma dívida muito alta, com o desemprego batendo recorde e a inflação “voltando com força”. 

Fonte: Estado de Minas.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo