Minas Brasil

Triângulo do Sul avança para onda verde do Minas Consciente

A macrorregião Triângulo do Sul foi autorizada a avançar para a onda verde do plano Minas Consciente, criado pelo Governo de Minas para orientar o retorno gradual das atividades nos municípios mineiros de forma segura. A mudança foi definida nesta quarta-feira (7/10) pelo Comitê Extraordinário Covid-19, após a região se manter por 28 dias na onda amarela, com estabilidade de bons índices epidemiológicos.

Com a alteração, em vigor a partir deste sábado (10/9), quatro macrorregiões do estado estão contempladas na onda verde, incluindo, além da Triângulo do Sul, as macros  NorteJequitinhonha e Centro-Sul. Esse é o estágio mais avançado do Minas Consciente, sendo permitido o retorno das atividades escolares, feiras e parques, por exemplo, desde que seguindo os rígidos protocolos estabelecidos pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG).

Diante desse cenário, atualmente não há nenhuma região do estado inserida na onda vermelha do plano Minas Consciente, quando só são liberados serviços essenciais, como farmácias e supermercados. A outra alteração desta semana é o retorno da macrorregião Leste para a onda amarela, em função da piora de alguns indicadores em municípios desse bloco. 

Por isso, o chefe de gabinete da SES-MG, João Pinho, mantém o pedido para que a população não relaxe com as medidas de segurança, incluindo o uso constante de álcool em gel e máscaras de proteção. “Reforçamos a necessidade de manter todas as medidas de distanciamento e proteção para que a gente consiga caminhar com segurança”, disse Pinho.

Fonte: Agência Minas.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo