Minas Brasil

Contra a dengue, mosquitos Aedes aegypti com bactéria Wolbachia começam a ser soltos em Belo Horizonte

Mosquitos Aedes aegypti que passaram por um processo de implantação da bactéria Wolbachia começaram a ser liberados na Região de Venda Nova, em Belo Horizonte, a partir desta segunda-feira (5).

O projeto, realizado em outros países, é considerado promissor para redução da transmissão da dengue, zika e chikungunya.

De acordo com o pesquisador da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e coordenador do projeto, Luciano Moreira, cada tubo tem aproximadamente 150 insetos com a Wolbachia. Ele explicou por que a liberação na capital mineira começou por Venda Nova: “Venda Nova é uma região de alto risco e a liberação será feita durante 16 semanas. Depois o método fica sustentável, eles [os mosquitos] se mantêm naquela localidade”, diz Moreira.

Fonte: G1.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo