Minas Brasil

Escolas particulares tentam retorno da educação infantil em BH

As escolas privadas de Belo Horizonte prometem abrir uma batalha pelo retorno das aulas presenciais, ao menos na educação infantil. Ontem, o prefeito da capital, Alexandre Kalil, afirmou não haver data ainda para a reabertura dos estabelecimentos de ensino, decisão que vai na contramão do sinal verde dado ao setor em parte de Minas Gerais pelo governo do estado na semana passada. Com os alvarás de funcionamento cassados em BH, assim como as demais redes, e sem poder partir para o ataque junto ao Judiciário, as instituições de ensino particulares esperam conseguir apoio do Ministério Público para reverter a situação e obter novamente suas licenças de funcionamento. 

“Ninguém está falando quando vai abrir. Não vamos inventar data. Estamos preparados para abrir amanhã. Mas agora é uma questão sanitária”, destacou Kalil. O prefeito afirmou que a capital não tem números adequados sobre a COVID-19 para a reabertura das escolas. “Investi R$ 14 milhões em toda a estrutura para adequar as escolas às normas de segurança quando as aulas forem novamente presenciais. Estamos fazendo trabalho remoto, levando material aos alunos”, disse. O secretário Municipal de Saúde, Jackson Machado, acrescentou que não se sabe se as aulas voltam este ano E que tudo dependerá da curva epidemiológica.

Fonte: Estado de Minas.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo