Econômia

BOLSONARO VOLTA A PEDIR QUE MERCADOS SEGUREM PREÇO DO ARROZ; MINISTRA DIZ QUE NÃO VAI FALTAR

Presidente declarou que não utilizará caneta para tabelar preços de produtos e apontou nova safra como possível solução. Alta da cesta básica superou inflação em 16 capitais, diz Dieese.

O presidente Jair Bolsonaro afirmou na tarde desta terça-feira (8) que fez um “apelo” a donos de supermercados para conter a alta do preço do arroz. Mais cedo, durante reunião do governo, a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse que o produto não faltará no país.

As falas de Bolsonaro e da ministra foram publicadas em vídeos nas redes sociais do presidente. Os dois abordaram a alta de preço de um dos produtos considerados essenciais no cardápio dos brasileiros.

O presidente falou sobre o tema durante um encontro com médicos favoráveis ao uso da hidroxicloroquina para o tratamento da Covid-19 – a substância não tem efeito comprovado.

Bolsonaro disse que tem conversado com donos de redes de supermercados e que fez um “apelo” para que as margens de lucro de produtos como o arroz fiquem “próximas de zero”. O presidente acrescentou que não pretende tabelar preços.

FONTE: G1

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo