Política

WITZEL CITA LULA E PIMENTEL COMO ALVOS DE PROCESSOS COM MOTIVAÇÃO POLÍTICA E SEM PROVAS

Em seu pronunciamento de defesa, na manhã desta sexta-feira (28), após ser afastado do cargo por 180 dias por decisão do Supremo Tribunal de Justiça (STJ), o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC/RJ) citou alguns personagens da política para exemplificar uma suposta parcialidade e lentidão da Justiça brasileira: os ex-presidentes Lula e Michel Temer, além do ex-chefe do Executivo de Minas Gerais, Fernando Pimentel.

Witzel disse que o processo penal brasileiro está se transformando em um ‘circo’. O governador do Rio lembrou de Fernando Pimentel ao falar sobre a Operação Acrônimo, cujo inquérito que investigava o ex-chefe do Executivo de Minas por suposta lavagem de dinheiro e desvio de recursos públicos foi arquivado no mês passado. Michel Temer, que foi absolvido por obstrução de Justiça no caso da gravação feita pelo empresário Joesley Batista, também foi citado.

FONTE: PORTAL UAI

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo