Esporte

JUSTIÇA REJEITA EMBARGOS DE EX-PRESIDENTE EM AÇÃO DE R$ 6,8 MILHÕES MOVIDA PELO CRUZEIRO

O desembargador Marco Aurélio Ferenze, da 35ª Vara Cível de Belo Horizonte, rejeitou os embargos de declaração feitos por Wagner Pires de Sá, em ação movida pelo próprio clube contra o ex-presidente. Ele tentava mudar a decisão da Justiça, que determinou, no último dia 13, bloqueio no valor de R$ 6,8 milhões em suas contas.

Durante live na última quinta-feira, o atual presidente do Cruzeiro, Sérgio Santos Rodrigues, disparou contra as alegações de Pires de Sá, que alegou que a principal motivação da ação era por vingança política. Wagner derrotou Sérgio na eleição presidencial de 2017. Além disso, o ex-mandatário afirmou que o processo judicial tinha como objetivo “mitigar o insucesso dentro de campo, que culminou com o rebaixamento da equipe de futebol profissional”.

FONTE: SUPERESPORTES

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo