Brasil

Operação no RJ busca chefes do Escritório do Crime, grupo envolvido na morte Marielle Franco

A Polícia Civil e o Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado Janeiro (GAECO), braço do Ministério Público, cumprem, na manhã desta terça-feira (30) mandados de prisão contra cinco integrantes do Escritório do Crime, organização criminosa envolvida no assassinato da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, mortos em março de 2018. 

O principal alvo operação, batizada de Tânatos, é Leonardo Gouvea da Silva, conhecido como Mad, sucessor do ex-capitão do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), Adriano Magalhães da Nóbrega, no comando da quadrilha. Capitão Adriano, como ele era chamado, morreu em operação da polícia em 9 de fevereiro, após ser encontrado em uma chácara no interior da Bahia. 

Fonte: Estado de Minas 

Thalita Mendes

Jornalista - TV Minas Brasil (Paracatu) Acadêmica de Jornalismo

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo